Manual Prático para criar uma horta orgânica em casa

Com a nova atualização do aplicativo, a Salad une saúde, equilíbrio ecológico e criatividade

horta em casa, cebolinha, salsinha, alecrim

Já imaginou ter uma horta em casa, com salsa, cebolinha, alecrim e outras delícias frescas e saudáveis? Para ajudar quem busca qualidade de vida a Salad, maior rede de alimentação saudável do País, acaba de lançar a nova edição do Guia Salad, aplicativo para tablet e smartphone: Manual Prático – como fazer sua horta. A atualização do app é gratuita e alia saúde, equilíbrio ecológico e criatividade ao ensinar o usuário a criar uma horta orgânica em casa.

Não é preciso dispor de muito espaço. A horta urbana pode ser instalada na sacada do apartamento, no quintal de casa ou em pequenos vasos espalhados em ambientes que peguem, no mínimo, 4 horas de sol por dia. Podem ser cultivadas hortaliças, legumes e temperos para tornar a refeição mais prazerosa e saudável. “Qualquer planta pode ser cultivada, até árvores frutíferas, como jabuticabeira e amoreira. Porém, no início, recomendamos espécies que são de fácil cuidado, como alecrim, orégano, manjericão, boldo, salsinha, cebolinha, pimenta, hortelã e coentro”, explica Ana Maura Werner, gerente geral da Salad.

Para começar a horta alguns itens são necessários, como argila expandida ou pedras, areia ou manta para drenagem, terra adubada, pá pequena, luva de jardineiro e regador. Todos estes materiais podem ser encontrados em lojas de jardinagem.

Além das ferramentas adequadas, a horta orgânica pede cuidado na adubagem: o ideal é adubar com húmus de minhoca, bokashi ou torta de nim, a cada 40 dias. “No aplicativo ensinamos a melhor forma de produzir e armazenar composto orgânico. Tudo para garantir os nutrientes adequados para as plantas”, completa Ana Maura.

image003

Confira abaixo algumas sugestões de ervas frescas para sua horta orgânica, baixe ou atualize seu app e mãos à obra. 

Alecrim:

  • Desenvolve-se melhor em ambientes com luz e clima seco.
  • Precisa de pouca água para sobreviver. As regas devem ser pequenas, sem encharcar.
  • Para garantir a sua floração, recomenda-se abrigar a planta contra ventos fortes.
  • Nunca manter o alecrim abaixo dos 6°C.
  • Se a temperatura do ambiente for quente, o ideal é transplantar no jardim ou ar livre.
  • O vaso ideal é de 20cm de diâmetro, com terra comum de jardim. Para obter novas mudas, basta lascar um galho e plantar em solo úmido.

Dica: Entre as mudas de alecrim, podem ser cultivadas outras espécies de menor tamanho, com as mesmas condições de rega.

Salsinha:

  • Gosta de claridade, mas o sol em excesso pode queimar as folhas.
  • Regar conforme o solo ficar seco.
  • Pode ser cultivada o ano todo. No inverno, é aconselhável deixá-la protegida do frio intenso.
  • As jardineiras de janelas ou potes pequenos são ideais.

Dica: A salsinha tem facilidade para pegar pragas, por isso, plantá-la ao lado da cebolinha ajuda no controle das mesmas.

Cebolinha:

  • A falta de luz pode deixar as folhas amareladas, por isso precisa de sol algumas horas por dia.
  • Geralmente, a cada 6 dias ou conforme o solo ficar seco.
  • Prefere clima ameno, com temperaturas entre 8-22ºC.
  • Pode ser plantada em qualquer vaso, com espaçamento de 20×20.

Dica: Com crescimento rápido e manejo simples, pode ser cultivada em pequenos espaços.

Sobre tricoatres (571 Artigos)
<p>Três mulheres tricotando sobre o universo feminino. Uma mãe, uma indecisa na vida e o último elo dessa tríade venusiana: uma jovem baladeira!</p>