Peça “O Encontro das Águas” ganha reestreia em SP


Após temporada bem sucedida do espetáculo “O Encontro das Águas” em Curitiba e São Paulo, a peça retorna aos palcos por mais dois meses, agora no Teatro Augusta, na capital paulista. O texto é do premiado dramaturgo e jornalista Sérgio Roveri (Shell de Teatro – melhor autor por “Abre as Asas Sobre Nós”) e a direção fica por conta da experiência de Leonardo Miggiorin (Equus, Memórias de Um Gigolô, La Mamma), reconhecido ator que teve sua estreia como diretor na peça.

O drama com os atores João Fenerich e Patrícia Vilela trata sobre o acaso e seu incontestável poder de provocar descobertas e mudanças na vida das pessoas. O personagem Apolônio, vivido pela atriz Patrícia (“Safo”, “Os Cantos de Maldoror” e “Whisky e Hambúrguer”) é representado por um andarilho provocador e sátiro, facetas que o revelam tão humano e frágil, assim como o personagem Marcelo – interpretado por João – que se encontra desorientado e profundamente triste, como se não houvesse mais razão para viver.
O texto explora a subjetividade das relações entre homens, em um universo de complexidade psicológica profunda, que leva o espectador a uma experiência interna e pessoal sobre questões existenciais.

Agora em cartaz no Teatro Augusta (Sala Experimental), o espetáculo poderá ser visto de 3 de junho à 31 de julho.

Serviço:
“O Encontro das Águas”
Texto – Sérgio Roveri
Direção – Leonardo Miggiorin
Elenco – Patrícia Vilela e João Fenerich
Dias e horários: sextas às 21 h e 30 min, sábados às 21 h e domingos às
19 horas.
Temporada de 03 de junho à 31 de julho
Local: Teatro Augusta (Sala Experimental)
Rua Augusta, 943 – Cerqueira César
Duração – 60 minutos
Preço – R$ 50,00 inteira R$ 25,00 meia
Classificação – 14 anos

Sobre tricoatres (577 Artigos)
Três mulheres tricotando sobre o universo feminino. Uma mãe, uma indecisa na vida e o último elo dessa tríade venusiana: uma jovem baladeira!